Tag Archives: propagandas

Mais um pouco sobre propagandas machistas

6 set

Por: FloraLorena

Em outro post já falei um pouco sobre as propagandas que transformam a mulher em mais um objeto à venda.

Para esse post aqui o que me motivou a escrever foram os anúncios dos produtos de limpeza.

Vocês se lembram de alguma propaganda onde aparece algum homem limpando? Ou algum homem preocupado com a limpeza? Ou algum homem testando um produto novo no mercado?

Nesses anúncios a mensagem é muito clara, o trabalho doméstico deve ser função exclusiva da mulher <— #istoémachista.

Se não me engano a única propaganda de produto de limpeza com homem é a do Bombril, mas nesse caso ele é o garoto propaganda, vende os produtos para as mulheres, não é ele que usa esses produtos. Mais recentemente a Bombril lançou uma nova campanha com o slogan “Os produtos que evoluíram com as mulheres”, uma frase que reforça o trabalho doméstico como tarefa unicamente feminina. Nessa nova campanha o garoto propaganda oficial foi substituído por mulheres, que durante os comerciais estereotipam os homens como seres inúteis, sobre isso a magnífica Lola já escreveu um post. Nessa campanha a Bombril cita que a mulher deve convocar o homem a ajudar na limpeza, mas todas sabemos que ajudar na limpeza não é o mesmo que dividir as tarefas. A ajuda está totalmente condicionada ao desejo de ajudar ou não, enquanto a divisão de tarefas impõe responsabilidades.

Outra marca de produtos de limpeza tem como slogan “Sai fora neura”, colocando que estes produtos facilitam a vida da mulher, deixam a casa limpa, por consequência a mulher se torna menos neurótica com a limpeza e com mais tempo livre. No entanto se essas tarefas fossem divididas igualmente ela teria seu tempo livre garantido. Na realidade o problema da falta de tempo não é um problema da qualidade dos produtos, mas um desdobramento da dupla jornada da mulheres.

Observar o machismo nas propagandas, nos programas de televisão, nas conversas de ônibus, ou em outras atividades cotidianas, nos faz perceber o quanto ainda precisamos avançar na luta feminista, embora nossa condição seja melhor que das mulheres de outras épocas.

Para uma discussão mais qualificada sobre o trabalho doméstico leia o livro da Soraia ;]

 

%d blogueiros gostam disto: